ABAF lança Campanha de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais 2023

Por Marcelo oXarope
19/09/2023

Publicado em -

texto 1

Segundo o Corpo de Bombeiro, nove em cada 10 incêndios florestais são provocados por irresponsabilidade humana. E com a chegada das altas temperaturas e tempo seco, cresce o risco de focos de incêndios, ameaçando ainda mais a fauna, a flora, as pessoas e as cidades. Incêndio florestal é o fogo fora de controle em qualquer tipo de vegetação, seja na mata, em plantações ou em pastos.

Todos os anos, esse tipo de acidente causa prejuízos não só para o meio ambiente, mas também coloca em risco o patrimônio e a vida das pessoas. Poluição do ar, redução da biodiversidade, prejuízos às nascentes e mananciais de água, morte de animais (inclusive das abelhas e outros insetos polinizadores) e problemas diversos para as pessoas e às áreas habitadas são os principais problemas causados.

Para contribuir com os demais esforços – das empresas associadas e instituições públicas – na prevenção e combate aos incêndios florestais no estado, a Associação Baiana de Florestas Plantadas (ABAF) lança na semana em que se comemora o Dia da Árvore (21/09) a campanha “Floresta em fogo é problema de todos nós” que apresenta os danos causados pelo fogo sem controle, os cuidados a serem tomados, além de informar o que se deve fazer em caso de ocorrências.

“O objetivo principal é sensibilizar a população em geral sobre a importância da prevenção e combate aos incêndios florestais, promovendo uma mudança de atitude. Queremos contribuir para a conscientização da sociedade sobre os impactos negativos ao meio ambiente e à sociedade; além de promover o engajamento social para preservação das florestas”, explica Wilson Andrade, diretor executivo da ABAF.

Esta é uma iniciativa da ABAF que conta com o apoio de diversas instituições, como Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, Federação da Agricultura da Bahia (Faeb), Associação dos Produtores Irrigantes da Bahia (Aiba) e Secretaria do Meio Ambiente do Estado da Bahia (Sema) que lidera o “Programa Bahia Sem Fogo” (BSF) e o Comitê Estadual de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais da Bahia.

“O BSF é um programa transversal que atua em caráter multidisciplinar por intermédio do nosso Grupo de Trabalho composto pela Sema, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Casa Civil, Sesab, SSP, Inema, Ibama, Polícia Militar e Polícia Civil. Estamos nessa missão desde 2010 e podemos destacar como avanços, a construção do plano de ação para atuação nos incêndios florestais, elaboração de plano de comunicação, atuação preventiva e conjunta dos entes, melhoria do fluxo de comunicação entre as unidades, monitoramento sistematizado através da emissão de boletins diários, com a equipe de campo pontuando os focos de calor principalmente nas unidades de conservação, melhoria no tempo de resposta e acionamento, aquisição de EPI´S e EPC´S, ações de fiscalização, disponibilização de aeronaves para combates, além das ações de educação ambiental e prevenção que também realizamos nas unidades regionais. A perspectiva é de que esse GT se mantenha ativo, construindo o planejamento para as ações de 2024”, explica Daniella Fernandes, diretora do Inema.

“É muito importante essa parceria com a ABAF. Dessa forma podemos aumentar as nossas atividades preventivas, que é ainda mais primordial do que o combate, pois com a prevenção não temos os incêndios florestais e é nisso que trabalhamos de forma contínua. Nossa atuação não para, mesmo fora da Operação Florestal continuamos passando para a comunidade, principalmente das áreas mais afetadas pelos incêndios florestais, sobre os cuidados da prevenção. E quem ganha com essa parceria são os cidadãos”, explicou o coronel BM Adson Marcehsini, comandante-geral do Corpo de Bombeiros.

Para o presidente da Faeb, Humberto Miranda, a campanha chega em um momento crucial: quando se aumenta o número de focos de calor e, consequentemente, as chances de incêndio. “O mês de setembro é historicamente o de maior incidência deste tipo de ocorrência. Esta iniciativa, da qual somos parceiros, vem em boa hora para se aliar a outras ações, mas com um diferencial: o cunho educativo, conscientizando a população urbana e rural de que incêndio florestal é um problema de todos, uma vez que as suas consequências refletem diretamente em todo ecossistema. O setor agropecuário já atua ao longo do ano com ações de prevenção e monitoramento, além de orientar o produtor sobre o uso do fogo em propriedades rurais, uma prática em desuso, mas que quando executada deve seguir medidas e normas legais”, pontuou.

“Todos os anos, no período mais seco, há um aumento expressivo dos incêndios florestais, com risco à produção agrícola e ao meio ambiente; por isso entendemos que é importante unir forças, por meio dessa parceria com a ABAF”, afirma o presidente da Aiba, Odacil Ranzi. “O produtor rural já tem feito, por meio da Aiba, ações de prevenção e combate, com treinamento de brigadas e pilotos de aeronaves agrícolas que são utilizadas no combate, além de manuais e cartilhas de sensibilização e boas práticas para o uso do fogo, assim essa parceria fortalece ainda mais o que já está sendo executado”, ressalta.

A campanha – Criada pela agência Accessing Comunicação, a campanha foi dividida em duas fases: uma onde são indicados os impactos de um incêndio florestal para a biodiversidade, saúde das pessoas, economia (produtividade das colheitas, emprego e renda), abastecimento de água e preservação de mananciais hídricos.

Na outra são trabalhadas as atitudes que são as principais causas de incêndios florestais (e suas consequências): queima de lixo (pode se alastrar queimando florestas e destruindo casas); fogueiras em áreas florestais (uma pequena fogueira pode ser foco de um grande desastre); limpeza de áreas rurais com fogo (pode se alastrar queimando florestas e áreas urbanas); e bitucas acesas de cigarros (pode ser foco de um grande desastre).

Também traz um reforço na mensagem que “fogo não se controla sozinho, precisamos de sua ajuda para evitar grandes tragédias”. Em toda a campanha também são informados os principais canais de denúncia e/ou ajuda: 193 ou 0800 071 1400. Fazem parte da campanha peças gráficas em diversos formatos (outdoor, cartaz, cards para redes sociais etc.), spot de rádio, VT e panfleto informativo.

ABAF – Desde 2004, a ABAF representa a cadeia produtiva de árvores plantadas no estado. Contribui para que o setor florestal se desenvolva sobre bases sustentáveis, seja do ponto de vista econômico, ambiental ou social. Trabalha por mais florestas, mais empresas, mais fornecedores, mais serviços e produtos. Este trabalho é feito em parceria com os associados, autoridades, governos, academia e demais parceiros em nível local, estadual e nacional. A indústria de base florestal usa madeira como matéria-prima, com destaque para a produção de celulose, papel, ferro liga, madeira tratada e para energia. Nossa missão está alicerçada na certeza de que a árvore plantada é o futuro das matérias-primas renováveis, recicláveis e amigáveis ao ambiente, à biodiversidade e à vida humana.

Informações: abaf.org.br e nos canais ABAF no Facebook, Instagram, YouTube e Issuu. Wilson Andrade (Diretor Executivo) –

(71) 98801-3000/[email protected] e Yara Vasku (Comunicação) – (71) 99119-7746/ [email protected].

Informações:Guilherme Molina

1678540344banner-970x90-bello.png

Mais recentes

Fies: estudantes podem se candidatar a vagas remanescentes a partir de 27 de junho

Os estudantes interessados em aderir ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) têm uma nova chance de conseguir…

Enem 2024: Mais de 449 mil se inscreveram para a edição na Bahia

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep)…

Unidade de testagem rápida para IST’s tem 1.788 exames realizados em três dias no Parque de Exposições

A saúde sexual é uma das áreas de atenção do Governo do Estado no São João da…

Governo do Estado autoriza início das obras do VLT e investe na mobilidade urbana de Salvador e região metropolitana

Mais qualidade, rapidez e conforto. O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) é mais um investimento do Governo…

Segurança é reforçada para festejos juninos do Parque de Exposições, em Salvador

O esquema de segurança montado para o São João da Bahia 2024, garante a alegria de quem…

ABAF lança Campanha de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais 2023

Por Marcelo oXarope
19/09/2023 - 15h01 - Atualizado 19 de setembro de 2023

Publicado em -

texto 1

Segundo o Corpo de Bombeiro, nove em cada 10 incêndios florestais são provocados por irresponsabilidade humana. E com a chegada das altas temperaturas e tempo seco, cresce o risco de focos de incêndios, ameaçando ainda mais a fauna, a flora, as pessoas e as cidades. Incêndio florestal é o fogo fora de controle em qualquer tipo de vegetação, seja na mata, em plantações ou em pastos.

Todos os anos, esse tipo de acidente causa prejuízos não só para o meio ambiente, mas também coloca em risco o patrimônio e a vida das pessoas. Poluição do ar, redução da biodiversidade, prejuízos às nascentes e mananciais de água, morte de animais (inclusive das abelhas e outros insetos polinizadores) e problemas diversos para as pessoas e às áreas habitadas são os principais problemas causados.

Para contribuir com os demais esforços – das empresas associadas e instituições públicas – na prevenção e combate aos incêndios florestais no estado, a Associação Baiana de Florestas Plantadas (ABAF) lança na semana em que se comemora o Dia da Árvore (21/09) a campanha “Floresta em fogo é problema de todos nós” que apresenta os danos causados pelo fogo sem controle, os cuidados a serem tomados, além de informar o que se deve fazer em caso de ocorrências.

“O objetivo principal é sensibilizar a população em geral sobre a importância da prevenção e combate aos incêndios florestais, promovendo uma mudança de atitude. Queremos contribuir para a conscientização da sociedade sobre os impactos negativos ao meio ambiente e à sociedade; além de promover o engajamento social para preservação das florestas”, explica Wilson Andrade, diretor executivo da ABAF.

Esta é uma iniciativa da ABAF que conta com o apoio de diversas instituições, como Corpo de Bombeiros Militar da Bahia, Federação da Agricultura da Bahia (Faeb), Associação dos Produtores Irrigantes da Bahia (Aiba) e Secretaria do Meio Ambiente do Estado da Bahia (Sema) que lidera o “Programa Bahia Sem Fogo” (BSF) e o Comitê Estadual de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais da Bahia.

“O BSF é um programa transversal que atua em caráter multidisciplinar por intermédio do nosso Grupo de Trabalho composto pela Sema, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Casa Civil, Sesab, SSP, Inema, Ibama, Polícia Militar e Polícia Civil. Estamos nessa missão desde 2010 e podemos destacar como avanços, a construção do plano de ação para atuação nos incêndios florestais, elaboração de plano de comunicação, atuação preventiva e conjunta dos entes, melhoria do fluxo de comunicação entre as unidades, monitoramento sistematizado através da emissão de boletins diários, com a equipe de campo pontuando os focos de calor principalmente nas unidades de conservação, melhoria no tempo de resposta e acionamento, aquisição de EPI´S e EPC´S, ações de fiscalização, disponibilização de aeronaves para combates, além das ações de educação ambiental e prevenção que também realizamos nas unidades regionais. A perspectiva é de que esse GT se mantenha ativo, construindo o planejamento para as ações de 2024”, explica Daniella Fernandes, diretora do Inema.

“É muito importante essa parceria com a ABAF. Dessa forma podemos aumentar as nossas atividades preventivas, que é ainda mais primordial do que o combate, pois com a prevenção não temos os incêndios florestais e é nisso que trabalhamos de forma contínua. Nossa atuação não para, mesmo fora da Operação Florestal continuamos passando para a comunidade, principalmente das áreas mais afetadas pelos incêndios florestais, sobre os cuidados da prevenção. E quem ganha com essa parceria são os cidadãos”, explicou o coronel BM Adson Marcehsini, comandante-geral do Corpo de Bombeiros.

Para o presidente da Faeb, Humberto Miranda, a campanha chega em um momento crucial: quando se aumenta o número de focos de calor e, consequentemente, as chances de incêndio. “O mês de setembro é historicamente o de maior incidência deste tipo de ocorrência. Esta iniciativa, da qual somos parceiros, vem em boa hora para se aliar a outras ações, mas com um diferencial: o cunho educativo, conscientizando a população urbana e rural de que incêndio florestal é um problema de todos, uma vez que as suas consequências refletem diretamente em todo ecossistema. O setor agropecuário já atua ao longo do ano com ações de prevenção e monitoramento, além de orientar o produtor sobre o uso do fogo em propriedades rurais, uma prática em desuso, mas que quando executada deve seguir medidas e normas legais”, pontuou.

“Todos os anos, no período mais seco, há um aumento expressivo dos incêndios florestais, com risco à produção agrícola e ao meio ambiente; por isso entendemos que é importante unir forças, por meio dessa parceria com a ABAF”, afirma o presidente da Aiba, Odacil Ranzi. “O produtor rural já tem feito, por meio da Aiba, ações de prevenção e combate, com treinamento de brigadas e pilotos de aeronaves agrícolas que são utilizadas no combate, além de manuais e cartilhas de sensibilização e boas práticas para o uso do fogo, assim essa parceria fortalece ainda mais o que já está sendo executado”, ressalta.

A campanha – Criada pela agência Accessing Comunicação, a campanha foi dividida em duas fases: uma onde são indicados os impactos de um incêndio florestal para a biodiversidade, saúde das pessoas, economia (produtividade das colheitas, emprego e renda), abastecimento de água e preservação de mananciais hídricos.

Na outra são trabalhadas as atitudes que são as principais causas de incêndios florestais (e suas consequências): queima de lixo (pode se alastrar queimando florestas e destruindo casas); fogueiras em áreas florestais (uma pequena fogueira pode ser foco de um grande desastre); limpeza de áreas rurais com fogo (pode se alastrar queimando florestas e áreas urbanas); e bitucas acesas de cigarros (pode ser foco de um grande desastre).

Também traz um reforço na mensagem que “fogo não se controla sozinho, precisamos de sua ajuda para evitar grandes tragédias”. Em toda a campanha também são informados os principais canais de denúncia e/ou ajuda: 193 ou 0800 071 1400. Fazem parte da campanha peças gráficas em diversos formatos (outdoor, cartaz, cards para redes sociais etc.), spot de rádio, VT e panfleto informativo.

ABAF – Desde 2004, a ABAF representa a cadeia produtiva de árvores plantadas no estado. Contribui para que o setor florestal se desenvolva sobre bases sustentáveis, seja do ponto de vista econômico, ambiental ou social. Trabalha por mais florestas, mais empresas, mais fornecedores, mais serviços e produtos. Este trabalho é feito em parceria com os associados, autoridades, governos, academia e demais parceiros em nível local, estadual e nacional. A indústria de base florestal usa madeira como matéria-prima, com destaque para a produção de celulose, papel, ferro liga, madeira tratada e para energia. Nossa missão está alicerçada na certeza de que a árvore plantada é o futuro das matérias-primas renováveis, recicláveis e amigáveis ao ambiente, à biodiversidade e à vida humana.

Informações: abaf.org.br e nos canais ABAF no Facebook, Instagram, YouTube e Issuu. Wilson Andrade (Diretor Executivo) –

(71) 98801-3000/[email protected] e Yara Vasku (Comunicação) – (71) 99119-7746/ [email protected].

Informações:Guilherme Molina

1

Mais recentes

Fies: estudantes podem se candidatar a vagas remanescentes a partir de 27 de junho

Os estudantes interessados em aderir ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) têm uma nova chance de conseguir ingressar no programa. Na última quarta-feira (12), o…

Enem 2024: Mais de 449 mil se inscreveram para a edição na Bahia

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) registraram 5.055.699 inscrições para o Exame Nacional do…

Unidade de testagem rápida para IST’s tem 1.788 exames realizados em três dias no Parque de Exposições

A saúde sexual é uma das áreas de atenção do Governo do Estado no São João da Bahia 2024. A unidade de testagem rápida para…

Governo do Estado autoriza início das obras do VLT e investe na mobilidade urbana de Salvador e região metropolitana

Mais qualidade, rapidez e conforto. O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) é mais um investimento do Governo do Estado que garante mobilidade urbana para Salvador…

Segurança é reforçada para festejos juninos do Parque de Exposições, em Salvador

O esquema de segurança montado para o São João da Bahia 2024, garante a alegria de quem vai para a festa, realizada com apoio do…

Bolsa Família chega a 2,46 milhões de famílias na Bahia no mês de junho

Em todos os 417 municípios baianos, 2,46 milhões de beneficiárias do Bolsa Família começam a receber os repasses de junho nesta segunda-feira, dia 17. O…

Nova Unidade de Saúde do Areião será entregue nos próximos dias

A Prefeitura de Porto Seguro anunciou nesta sexta-feira, 14, que as obras de construção da nova Unidade de Saúde da Família (USF) do bairro Areião,…

Hospital Ortopédico do Estado completa 100 dias com mais de 12 mil atendimentos e redução em 65% da fila de espera por cirurgias ortopédicas de urgência

O Hospital Ortopédico do Estado, gerido pelo Einstein, acaba de completar 100 dias de funcionamento. Durante este período, a unidade, que é 100% SUS e atende…

Corpo de Bombeiros do Litoral Sul é inaugurado no Arraial d’Ajuda

Na manhã desta sexta-feira, 14 de junho, foi inaugurado o novo Pelotão do Corpo de Bombeiros do Litoral Sul, fruto de uma parceria entre a…

Alunos da rede pública instalam placas de conscientização ambiental nas praias de Porto Seguro

Como parte das atividades em comemoração à Semana do Meio Ambiente, a Prefeitura de Porto Seguro, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e…

Setur-BA capacita agentes de viagens em seis polos emissores de turistas nacionais

A Secretaria de Turismo da Bahia (Setur-BA) participa do Roadshow Mercado & Eventos Nacional, visando aumentar o fluxo de visitantes no estado. Para a ação…

Comitiva do Consulado Geral dos EUA visita Porto Seguro para discutir demanda turística e parcerias

Porto Seguro recebeu uma importante comitiva liderada pela cônsul geral dos Estados Unidos no Rio de Janeiro, Caitlin, nesta quinta-feira (13/6). A visita de cortesia…

Mulheres vítimas de violência doméstica passam a ter prioridade em cirurgia reparadora

As mulheres em situação de violência doméstica e familiar passam a ter, a partir de agora, prioridade na assistência e atendimento prioritário para cirurgias plásticas…

Mais Especialistas: Governo Federal investirá R$ 1 bilhão para ampliar consultas e reduzir tempo de espera

O Ministério da Saúde (MS) apresentou nesta quarta-feira, 12 de junho, a estratégia do Programa Mais Acesso a Especialistas (PMAE), cujo objetivo é ampliar e…

1,9 mil municípios têm moradores em áreas com risco de catástrofes

No Brasil, mais de um terço dos municípios — 1.942 do total de 5.570 — possuem moradores em áreas de alta vulnerabilidade, onde a probabilidade…

Rolar para cima