IRPF 2024: Aberta consulta ao maior lote de restituição

Mais 5,5 milhões de contribuintes receberão R$ 9,5 bilhões Os contribuintes do RS terão prioridade, devido ao estado de calamidade

Por Marcelo oXarope
23/05/2024

Publicado em -

oXarope1230524_noticia_6
Além das declarações deste ano, o lote engloba também restituições residuais de exercícios fiscais anteriores

A partir desta quinta-feira (23), estará disponível para consulta o maior lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) de 2024. Ao todo, 5.562.065 contribuintes receberão R$ 9,5 bilhões. O pagamento dos valores deste primeiro lote, que contempla os grupos prioritários, será no próximo 31 de maio. As informações foram divulgadas pela Receita Federal.

Além das declarações deste ano, o lote engloba também restituições residuais de exercícios fiscais anteriores.

Com o estado de calamidade decretado no Rio Grande do Sul, foi estabelecida uma prioridade para os contribuintes que moram no estado. Assim, no RS, serão restituídas 886.260 declarações, incluindo períodos fiscais anteriores, totalizando mais de 1 bilhão de reais.

De acordo com a Receita Federal, os grupos prioritários do primeiro lote são:

“258.877 idosos acima de 80 anos;

2.595.933 contribuintes entre 60 e 79 anos;

162.902 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave;

1.105.772 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério;

787.747 contribuintes que receberam prioridade por utilizarem a declaração pré-preenchida ou optarem por receber a restituição via Pix.”

Adriano Marrocos, conselheiro do Conselho Federal de Contabilidade (CFC) e coordenador da Comissão Nacional do Imposto de Renda Pessoa Física, explica que ao longo do ano, os contribuintes pagam seu Imposto de Renda, e o pagamento mensal é uma antecipação do valor efetivo que é ajustado anualmente, na época da declaração.

“Então ocorre que alguns pagam menos do que deveriam e por isso precisam complementar, e outros contribuintes pagaram mais do que deviam — e por isso recebem o excedente de volta”, informa.

Asafe Gonçalves, sócio diretor do Asafe Gonçalves Advogados e especialista em direito tributário, afirma que todos aqueles que declararam o Imposto de Renda têm direito à restituição. O cálculo é feito automaticamente pela Receita Federal, que deposita o valor na conta informada no ato de declaração do IR.

“Tem pontos importantes que precisam ser verificados, que são as deduções permitidas, que podem influenciar nessa restituição. Elas incluem, por exemplo, despesas médicas, educação, dependentes, contribuição para Previdência Social e privada, entre outras coisas”, informa.

Veja o calendário de pagamentos:

31/05/2024 – 1º lote

28/06/2024 – 2º lote

31/07/2024 – 3º lote

30/08/2024 – 4º lote

30/09/2024 – 5º lote

31/10/2024 – 1º lote residual

29/11/2024 – 2º lote residual

31/12/2024 – 3º lote residual

31/01/2025 – 4º lote residual

28/02/2024 – 5º lote residual

Imposto de Renda 2024: termina em 31 de maio prazo para envio da declaração

IRPF 2024: Receita já recebeu 28 milhões de declarações

Como verificar a restituição?

Para verificar a disponibilidade da restituição, o contribuinte deve acessar o site da Receita Federal, clicar na seção “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, selecionar “Consultar Restituição”. Se houver alguma inconsistência na declaração, o contribuinte pode realizar uma retificação para corrigir as informações.

Além disso, a Receita Federal possui aplicativo para tablets e smartphones, o qual possibilita ao contribuinte consultar diretamente as informações sobre a liberação das restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) e verificar a situação cadastral do CPF.

Prazo para enviar a declaração

O prazo para enviar a declaração do Imposto de Renda 2024 vai até o dia 31 de maio, exceto no Rio Grande do Sul, onde a data foi adiada para 31 de agosto. 

O analista de sistemas Gabriel Gomes, de 26 anos, mora em Paulista, em Pernambuco. Ele afirma que já enviou a declaração e que fez sozinho.

“Eu conversei com um amigo meu que sabe fazer sozinho e ele me deu uma ajuda. Meu medo era declarar os investimentos que eu faço na Nubank, porque a do salário já estava pronto. Eu vi alguns blogs na internet e com a ajuda que ele me deu, eu consegui fazer”, explica.

Asafe Gonçalves explica que quem precisa realizar a declaração do imposto de renda são:

  • pessoas físicas que receberam rendimentos tributáveis acima de R$ 30.639,90;
  • quem recebeu rendimentos isentos e não tributáveis acima de R$ 200 mil em 2023;
  • quem obteve receita bruta proveniente de atividade rural acima de R$ 153.199,50 em 2023;
  • quem possui bens ou direitos incluídos e imóveis acima de R$ 800 mil reais;
  • pessoas que receberam rendimento por meio de doação ou herança e prêmio de loteria.

Reportagem: Nathália Ramos Guimarães

1678540344banner-970x90-bello.png

Mais recentes

Marcha da Maconha de SP protesta contra prisões e violência policial

O encarceramento em massa e a violência policial nas comunidades mais pobres estão no centro das discussões…

Fies: estudantes podem se candidatar a vagas remanescentes a partir de 27 de junho

Os estudantes interessados em aderir ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) têm uma nova chance de conseguir…

Enem 2024: Mais de 449 mil se inscreveram para a edição na Bahia

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep)…

Unidade de testagem rápida para IST’s tem 1.788 exames realizados em três dias no Parque de Exposições

A saúde sexual é uma das áreas de atenção do Governo do Estado no São João da…

Governo do Estado autoriza início das obras do VLT e investe na mobilidade urbana de Salvador e região metropolitana

Mais qualidade, rapidez e conforto. O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) é mais um investimento do Governo…

IRPF 2024: Aberta consulta ao maior lote de restituição

Mais 5,5 milhões de contribuintes receberão R$ 9,5 bilhões Os contribuintes do RS terão prioridade, devido ao estado de calamidade

Por Marcelo oXarope
23/05/2024 - 12h37 - Atualizado 25 de maio de 2024

Publicado em -

oXarope1230524_noticia_6
Além das declarações deste ano, o lote engloba também restituições residuais de exercícios fiscais anteriores

A partir desta quinta-feira (23), estará disponível para consulta o maior lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) de 2024. Ao todo, 5.562.065 contribuintes receberão R$ 9,5 bilhões. O pagamento dos valores deste primeiro lote, que contempla os grupos prioritários, será no próximo 31 de maio. As informações foram divulgadas pela Receita Federal.

Além das declarações deste ano, o lote engloba também restituições residuais de exercícios fiscais anteriores.

Com o estado de calamidade decretado no Rio Grande do Sul, foi estabelecida uma prioridade para os contribuintes que moram no estado. Assim, no RS, serão restituídas 886.260 declarações, incluindo períodos fiscais anteriores, totalizando mais de 1 bilhão de reais.

De acordo com a Receita Federal, os grupos prioritários do primeiro lote são:

“258.877 idosos acima de 80 anos;

2.595.933 contribuintes entre 60 e 79 anos;

162.902 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave;

1.105.772 contribuintes cuja maior fonte de renda seja o magistério;

787.747 contribuintes que receberam prioridade por utilizarem a declaração pré-preenchida ou optarem por receber a restituição via Pix.”

Adriano Marrocos, conselheiro do Conselho Federal de Contabilidade (CFC) e coordenador da Comissão Nacional do Imposto de Renda Pessoa Física, explica que ao longo do ano, os contribuintes pagam seu Imposto de Renda, e o pagamento mensal é uma antecipação do valor efetivo que é ajustado anualmente, na época da declaração.

“Então ocorre que alguns pagam menos do que deveriam e por isso precisam complementar, e outros contribuintes pagaram mais do que deviam — e por isso recebem o excedente de volta”, informa.

Asafe Gonçalves, sócio diretor do Asafe Gonçalves Advogados e especialista em direito tributário, afirma que todos aqueles que declararam o Imposto de Renda têm direito à restituição. O cálculo é feito automaticamente pela Receita Federal, que deposita o valor na conta informada no ato de declaração do IR.

“Tem pontos importantes que precisam ser verificados, que são as deduções permitidas, que podem influenciar nessa restituição. Elas incluem, por exemplo, despesas médicas, educação, dependentes, contribuição para Previdência Social e privada, entre outras coisas”, informa.

Veja o calendário de pagamentos:

31/05/2024 – 1º lote

28/06/2024 – 2º lote

31/07/2024 – 3º lote

30/08/2024 – 4º lote

30/09/2024 – 5º lote

31/10/2024 – 1º lote residual

29/11/2024 – 2º lote residual

31/12/2024 – 3º lote residual

31/01/2025 – 4º lote residual

28/02/2024 – 5º lote residual

Imposto de Renda 2024: termina em 31 de maio prazo para envio da declaração

IRPF 2024: Receita já recebeu 28 milhões de declarações

Como verificar a restituição?

Para verificar a disponibilidade da restituição, o contribuinte deve acessar o site da Receita Federal, clicar na seção “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, selecionar “Consultar Restituição”. Se houver alguma inconsistência na declaração, o contribuinte pode realizar uma retificação para corrigir as informações.

Além disso, a Receita Federal possui aplicativo para tablets e smartphones, o qual possibilita ao contribuinte consultar diretamente as informações sobre a liberação das restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) e verificar a situação cadastral do CPF.

Prazo para enviar a declaração

O prazo para enviar a declaração do Imposto de Renda 2024 vai até o dia 31 de maio, exceto no Rio Grande do Sul, onde a data foi adiada para 31 de agosto. 

O analista de sistemas Gabriel Gomes, de 26 anos, mora em Paulista, em Pernambuco. Ele afirma que já enviou a declaração e que fez sozinho.

“Eu conversei com um amigo meu que sabe fazer sozinho e ele me deu uma ajuda. Meu medo era declarar os investimentos que eu faço na Nubank, porque a do salário já estava pronto. Eu vi alguns blogs na internet e com a ajuda que ele me deu, eu consegui fazer”, explica.

Asafe Gonçalves explica que quem precisa realizar a declaração do imposto de renda são:

  • pessoas físicas que receberam rendimentos tributáveis acima de R$ 30.639,90;
  • quem recebeu rendimentos isentos e não tributáveis acima de R$ 200 mil em 2023;
  • quem obteve receita bruta proveniente de atividade rural acima de R$ 153.199,50 em 2023;
  • quem possui bens ou direitos incluídos e imóveis acima de R$ 800 mil reais;
  • pessoas que receberam rendimento por meio de doação ou herança e prêmio de loteria.

Reportagem: Nathália Ramos Guimarães

1

Mais recentes

Marcha da Maconha de SP protesta contra prisões e violência policial

O encarceramento em massa e a violência policial nas comunidades mais pobres estão no centro das discussões da Marcha da Maconha de São Paulo deste…

Fies: estudantes podem se candidatar a vagas remanescentes a partir de 27 de junho

Os estudantes interessados em aderir ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) têm uma nova chance de conseguir ingressar no programa. Na última quarta-feira (12), o…

Enem 2024: Mais de 449 mil se inscreveram para a edição na Bahia

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) registraram 5.055.699 inscrições para o Exame Nacional do…

Unidade de testagem rápida para IST’s tem 1.788 exames realizados em três dias no Parque de Exposições

A saúde sexual é uma das áreas de atenção do Governo do Estado no São João da Bahia 2024. A unidade de testagem rápida para…

Governo do Estado autoriza início das obras do VLT e investe na mobilidade urbana de Salvador e região metropolitana

Mais qualidade, rapidez e conforto. O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) é mais um investimento do Governo do Estado que garante mobilidade urbana para Salvador…

Segurança é reforçada para festejos juninos do Parque de Exposições, em Salvador

O esquema de segurança montado para o São João da Bahia 2024, garante a alegria de quem vai para a festa, realizada com apoio do…

Bolsa Família chega a 2,46 milhões de famílias na Bahia no mês de junho

Em todos os 417 municípios baianos, 2,46 milhões de beneficiárias do Bolsa Família começam a receber os repasses de junho nesta segunda-feira, dia 17. O…

Nova Unidade de Saúde do Areião será entregue nos próximos dias

A Prefeitura de Porto Seguro anunciou nesta sexta-feira, 14, que as obras de construção da nova Unidade de Saúde da Família (USF) do bairro Areião,…

Hospital Ortopédico do Estado completa 100 dias com mais de 12 mil atendimentos e redução em 65% da fila de espera por cirurgias ortopédicas de urgência

O Hospital Ortopédico do Estado, gerido pelo Einstein, acaba de completar 100 dias de funcionamento. Durante este período, a unidade, que é 100% SUS e atende…

Corpo de Bombeiros do Litoral Sul é inaugurado no Arraial d’Ajuda

Na manhã desta sexta-feira, 14 de junho, foi inaugurado o novo Pelotão do Corpo de Bombeiros do Litoral Sul, fruto de uma parceria entre a…

Alunos da rede pública instalam placas de conscientização ambiental nas praias de Porto Seguro

Como parte das atividades em comemoração à Semana do Meio Ambiente, a Prefeitura de Porto Seguro, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e…

Setur-BA capacita agentes de viagens em seis polos emissores de turistas nacionais

A Secretaria de Turismo da Bahia (Setur-BA) participa do Roadshow Mercado & Eventos Nacional, visando aumentar o fluxo de visitantes no estado. Para a ação…

Comitiva do Consulado Geral dos EUA visita Porto Seguro para discutir demanda turística e parcerias

Porto Seguro recebeu uma importante comitiva liderada pela cônsul geral dos Estados Unidos no Rio de Janeiro, Caitlin, nesta quinta-feira (13/6). A visita de cortesia…

Mulheres vítimas de violência doméstica passam a ter prioridade em cirurgia reparadora

As mulheres em situação de violência doméstica e familiar passam a ter, a partir de agora, prioridade na assistência e atendimento prioritário para cirurgias plásticas…

Mais Especialistas: Governo Federal investirá R$ 1 bilhão para ampliar consultas e reduzir tempo de espera

O Ministério da Saúde (MS) apresentou nesta quarta-feira, 12 de junho, a estratégia do Programa Mais Acesso a Especialistas (PMAE), cujo objetivo é ampliar e…

Rolar para cima