“Geraldo vai ser eleito e reeleito prefeito de Salvador, com nossa companheira Fabya como vice”, afirma Éden

Por Redação Oxarope
07/06/2024

Publicado em

oXarope1070624pt

O presidente do Partido dos Trabalhadores da Bahia, Éden Valadares, se mostrou confiante na vitória do vice-governador e pré-candidato à Prefeitura Municipal de Salvador, Geraldo Júnior (MDB), e da pré-candidata a vice-prefeita Fabya Reis, do PT. A declaração foi dada nesta quinta-feira (06), no lançamento da pré-candidatura do time do governador Jerônimo Rodrigues e do presidente Lula na capital baiana.

“Geraldo vai ser eleito e reeleito prefeito de Salvador, com nossa companheira Fabya como vice”, disse o dirigente estadual do PT, ao afirmar que o grupo vai trabalhar muito durante a pré-campanha e a campanha para apresentar um projeto alternativo e mais inclusivo do que o da atual gestão do União Brasil.

“A gente entra na campanha, mas quem decide é o povo. O nosso ímpeto, o nosso objetivo, a nossa missão é trabalhar para vencer no primeiro turno. Acho que a gente vai polarizar a eleição entre o grupo do presidente Lula e do governador Jerônimo, que tem candidato que é Geraldo, e o grupo do candidato derrotado ao Governo do Estado e do atual prefeito. Então, a possibilidade de ter uma polarização entre as duas candidaturas é muito alta e não me surpreenderia se as eleições fossem resolvidas no primeiro turno. Mas a gente precisa ter humildade, trabalhar, visitar cada casa bater de porta em porta, em cada rua, em cada comunidade e bairro de Salvador e apresentar o nosso programa. E aí depois é aceitar como a gente sempre aceitou a decisão soberana do povo de Salvador”, afirmou.

O presidente do PT Bahia disse ainda que o crescimento dos partidos de oposição a Bruno demonstra que a população não está satisfeita com a gestão do grupo do União Brasil. “Isso atrapalha o prefeito, quanto mais gente apoiar Geraldo, apoiar Kleber, quanto mais gente apoiar os candidatos da oposição significa que a cidade está fazendo um julgamento da atual gestão. Significa que se os candidatos que fazem oposição a Bruno estão crescendo é um sentimento que captamos nas ruas que a cidade quer mudar, e a cidade conhece o que foi feito, mas que sabe que pode ser diferente”.

Éden acrescentou ainda que o time de Geraldo, Fabya, de Jerônimo, do presidente Lula, do senador Jaques Wagner, do ministro Rui Costa e dos partidos aliados podem fazer mais e melhor por Salvador. “Nós podemos fazer mais pelo social, cuidar mais de quem mais precisa, cuidar melhor dos bairros, das periferias, das comunidades, porque a atual gestão tem um olhar muito voltado para a orla, para a classe média e para a parte mais rica da cidade, mas que não cuida com carinho de quem mais precisa. Então quando Geraldo cresce, quando Kleber cresce, é notícia ruim para o atual prefeito”, concluiu.

Ascom PT Bahia

1678540344banner-970x90-bello.png

Mais recentes

Pré-candidata à prefeita, Cláudia Oliveira intensifica agenda em Porto Seguro 

A deputada estadual e pré-candidata à prefeita Cláudia Oliveira, está de recesso parlamentar da Assembleia Legislativa da…

Audiência pública: TRE-BA irá debater em 12/07 metas para a Justiça Eleitoral em 2025

Evento acontecerá no dia 12 de julho, de forma remota, pela plataforma Zoom; interessados em participar devem…

Eunápolis: Pré-candidato a prefeito, Neto Guerrieri, se reuniu com diretoria da APLB

Pré-candidato a Prefeito do Avante, Neto Guerrieri visitou a sede da APLB/Sindicato na tarde desta quarta-feira (10…

Vereador Jorge Maécio inicia pré-campanha com bate-papo no bairro Pequi em Eunápolis

Na noite da última terça-feira (09), o vereador e presidente da Câmara, Jorge Maécio, deu início à…

Em 18 meses, Mais Médicos cresce 49,5% na Bahia

O número de profissionais do Mais Médicos (PMM) em atividade aumentou em 93,83% desde o início do…

“Geraldo vai ser eleito e reeleito prefeito de Salvador, com nossa companheira Fabya como vice”, afirma Éden

Por Redação Oxarope
07/06/2024 - 08h10 - Atualizado 7 de junho de 2024

Publicado em

oXarope1070624pt

O presidente do Partido dos Trabalhadores da Bahia, Éden Valadares, se mostrou confiante na vitória do vice-governador e pré-candidato à Prefeitura Municipal de Salvador, Geraldo Júnior (MDB), e da pré-candidata a vice-prefeita Fabya Reis, do PT. A declaração foi dada nesta quinta-feira (06), no lançamento da pré-candidatura do time do governador Jerônimo Rodrigues e do presidente Lula na capital baiana.

“Geraldo vai ser eleito e reeleito prefeito de Salvador, com nossa companheira Fabya como vice”, disse o dirigente estadual do PT, ao afirmar que o grupo vai trabalhar muito durante a pré-campanha e a campanha para apresentar um projeto alternativo e mais inclusivo do que o da atual gestão do União Brasil.

“A gente entra na campanha, mas quem decide é o povo. O nosso ímpeto, o nosso objetivo, a nossa missão é trabalhar para vencer no primeiro turno. Acho que a gente vai polarizar a eleição entre o grupo do presidente Lula e do governador Jerônimo, que tem candidato que é Geraldo, e o grupo do candidato derrotado ao Governo do Estado e do atual prefeito. Então, a possibilidade de ter uma polarização entre as duas candidaturas é muito alta e não me surpreenderia se as eleições fossem resolvidas no primeiro turno. Mas a gente precisa ter humildade, trabalhar, visitar cada casa bater de porta em porta, em cada rua, em cada comunidade e bairro de Salvador e apresentar o nosso programa. E aí depois é aceitar como a gente sempre aceitou a decisão soberana do povo de Salvador”, afirmou.

O presidente do PT Bahia disse ainda que o crescimento dos partidos de oposição a Bruno demonstra que a população não está satisfeita com a gestão do grupo do União Brasil. “Isso atrapalha o prefeito, quanto mais gente apoiar Geraldo, apoiar Kleber, quanto mais gente apoiar os candidatos da oposição significa que a cidade está fazendo um julgamento da atual gestão. Significa que se os candidatos que fazem oposição a Bruno estão crescendo é um sentimento que captamos nas ruas que a cidade quer mudar, e a cidade conhece o que foi feito, mas que sabe que pode ser diferente”.

Éden acrescentou ainda que o time de Geraldo, Fabya, de Jerônimo, do presidente Lula, do senador Jaques Wagner, do ministro Rui Costa e dos partidos aliados podem fazer mais e melhor por Salvador. “Nós podemos fazer mais pelo social, cuidar mais de quem mais precisa, cuidar melhor dos bairros, das periferias, das comunidades, porque a atual gestão tem um olhar muito voltado para a orla, para a classe média e para a parte mais rica da cidade, mas que não cuida com carinho de quem mais precisa. Então quando Geraldo cresce, quando Kleber cresce, é notícia ruim para o atual prefeito”, concluiu.

Ascom PT Bahia

1

Mais recentes

Pré-candidata à prefeita, Cláudia Oliveira intensifica agenda em Porto Seguro 

A deputada estadual e pré-candidata à prefeita Cláudia Oliveira, está de recesso parlamentar da Assembleia Legislativa da Bahia, com isso, tem intensificado sua agenda nos…

Audiência pública: TRE-BA irá debater em 12/07 metas para a Justiça Eleitoral em 2025

Evento acontecerá no dia 12 de julho, de forma remota, pela plataforma Zoom; interessados em participar devem realizar as inscrições no site da Escola Judiciária…

Eunápolis: Pré-candidato a prefeito, Neto Guerrieri, se reuniu com diretoria da APLB

Pré-candidato a Prefeito do Avante, Neto Guerrieri visitou a sede da APLB/Sindicato na tarde desta quarta-feira (10 jul 2024) e participou de uma reunião, no…

Vereador Jorge Maécio inicia pré-campanha com bate-papo no bairro Pequi em Eunápolis

Na noite da última terça-feira (09), o vereador e presidente da Câmara, Jorge Maécio, deu início à sua pré-campanha com um bate-papo em um espaço…

Em 18 meses, Mais Médicos cresce 49,5% na Bahia

O número de profissionais do Mais Médicos (PMM) em atividade aumentou em 93,83% desde o início do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva…

Com o Pé-de-Meia, governo reforça importância do ensino médio para o futuro dos brasileiros

“Quando eu soube do Pé-de-Meia, eu vi uma luz no fim do túnel. Eu falei assim: agora ela vai terminar os estudos dela”. A declaração…

Rafael Karcaça, empreendedor e figura popular no futebol, lança pré-candidatura a vereador em Eunápolis

O empreendedor Rafael, conhecido no mundo futebolístico como Karcaça, anunciou sua pré-candidatura a vereador em Eunápolis pelo partido AGIR. Nascido e criado na cidade, Rafael…

Eleições 2024: restrições a prefeitos que tentarão reeleição já estão valendo

Gestores não poderão nomear, exonerar ou contratar pessoal. Legislação eleitoral também proíbe presença em inauguração de obras públicas Prefeitos candidatos à reeleição estão proibidos de…

No Governo de Jerônimo, 30 ministros de Lula já estiveram na Bahia

Em apenas um ano e meio de mandato à frente do Governo do Estado, Jerônimo Rodrigues já recebeu de 30 diferentes ministros do Governo Federal…

Pequenos produtores de Camacan ganham novos espaços para a comercialização de produtos oriundos da agricultura familiar

Iniciativas que visam fortalecer o desenvolvimento rural e a prática esportiva marcaram a passagem do governador Jerônimo Rodrigues por Camacan, sul do estado, na manhã…

Em Ilhéus, modernização do Aeroporto Jorge Amado garante mais conforto e comodidade para baianos e turistas

Uma das portas de entrada para a região sul da Bahia, o Aeroporto Jorge Amado, em Ilhéus, passou por obras de modernização e ampliação para…

Robério atrai multidão para lançamento de sua pré-candidatura a prefeito de Eunápolis

O ex-prefeito e ex-deputado Robério lançou na noite desta sexta-feira, 05, no hotel Portal de Eunápolis, sua pré-candidatura a prefeito do município. O evento, que…

Investimento em infraestrutura de transportes da Bahia é de R$ 2,4 bilhões em 2024, aumento de 248% em relação a 2022

Investimento em infraestrutura de transportes da Bahia é de R$ 2,4 bilhões em 2024, aumento de 248% em relação a 2022 Com impacto fundamental do…

Poder Legislativo Eunápolis: Servidores retornam dia 8, sessões plenárias dia 1º de agosto

O recesso junino, concedido regimentalmente a servidores públicos lotados no Poder Legislativo termina nesta sexta-feira (05 jul 2024). No dia 8 de julho o atendimento…

Quando a publicidade institucional vira campanha pessoal

No Brasil, a legislação eleitoral e as normas sobre a publicidade institucional são claras sobre a proibição do uso de recursos públicos para promoção pessoal…

Rolar para cima